NOTÍCIAS

Postado em 02 de Julho às 16h06

Pleno do Tribunal de Justiça autoriza projeto de lei que reconhece isonomia entre gestor substituto e gestor Judiciário

Decisão do Pleno do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, proferida no dia 27 de junho, autoriza seu presidente, desembargador Carlos Alberto Alves da Rocha, a enviar projeto de Lei à Assembleia Legislativa reconhecendo a isonomia entre a função de gestor substituto e a de gestor Judiciário, o que implica em um valor único para ambas as funções de confiança.

O reconhecimento da igualdade remuneratória entre as duas funções é uma conquista do Sinjusmat que, por meio de sua assessoria jurídica, já havia protocolado requerimento administrativo e ação judicial buscando eliminar essa deformação histórica entre esses servidores do Poder Judiciário em Mato Grosso.

Essa é uma luta antiga do sindicato, que sempre denunciou o fato de ambos os cargos exercerem rigorosamente as mesmas funções, sendo que persistia o fato de o gestor substituto receber uma função de confiança com valor menor do que o gestor Judiciário. Agora, após aprovação do projeto de lei no legislativo que já é dada como certa, essa distorção finalmente será corrigida.

"A ação jurídica do Sinjusmat prosseguirá, no sentido de assegurar o pagamento retroativo da diferença remuneratória a todos os servidores lotados no cargo de confiança de gestor substituto. Mesmo com o envio do projeto de lei para a ALMT", destaca o advogado Bruno Boaventura, assessor jurídico do Sinjusmat.

"Essa é mais uma importante vitória de nossa categoria. Tal decisão acontece em função da luta e determinação de nosso sindicato. Agora, vamos lutar para que essa injustiça seja reparada, também garantindo a esses servidores o pagamento da diferença acumulada até aqui!", reforça o presidente do Sinjusmat, Rosenwal Rodrigues.

Veja também

Papa Francisco fala do verdadeiro sentido de um Sindicato04/08/17 Profecia e inovação são desafios a serem vencidos se o movimento sindical deseja continuar com seu papel pelo bem comum, pontuou Francisco Da Redação, com Rádio Vaticano Não existe uma boa sociedade sem um bom sindicato: antes da catequese desta quarta-feira, 28, o Papa Francisco recebeu os delegados da Confederação Italiana dos Sindicatos dos......
CNJ fixa 48 horas para Tribunal de Justiça explicar sigilo no CIA do SDCR02/10/18 Como é do conhecimento de todos os Servidores, o SINJUSMAT, na quarta-feira (26-09-18) ingressou com Procedimento de Controle Administrativo junto ao CNJ para suspender a votação do Projeto que envolve a carreira dos Servidores –......

Voltar para Notícias